Setembro amarelo: saúde mental em tempos de pandemia

Setembro Amarelo: Embora seja importante estar bem informado, sobretudo sobre as formas de atenuar o risco de contágio, o excesso de informações, segundo Eloísa, pode gerar uma sobrecarga de estímulos, o que, por sua vez, pode aumentar demais os níveis de estresse e de ansiedade.

Não há um momento do ano que seja ideal para tratar de um tema tão importante quanto a saúde mental. Porém, setembro é o mês em que nos dedicamos com maior intensidade às questões relacionadas à prevenção ao suicídio e às discussões sobre a depressão (Setembro Amarelo).

Em tempos de pandemia e da necessidade de isolamento e distanciamento social, a saúde mental ganha uma importância ainda maior, pois as mudanças abruptas com as quais estamos lidando tornaram mais intensos os sentimentos de instabilidade, os sentimentos depressivos e os casos de ansiedade.

Comprometidos com o bem-estar dos nossos alunos, conversamos com Eloísa Jacomini, psicóloga responsável pelo Núcleo de Apoio Psicopedagógico ao Aluno da Unorp e Coordenadora Pedagógica do curso de Psicologia, que nos deu algumas orientações sobre como podemos enfrentar este momento de pandemia observando a saúde mental. Confira!

Criar uma rotina é essencial

Antes da pandemia, nossa sociedade já tinha características muito intensas de depressão e ansiedade, contou Eloísa. A pandemia potencializou isso, quando gerou mudanças em nossa rotina, como a necessidade do distanciamento e do isolamento social.

“A rotina é importante para que a gente se sinta seguro. Nesse sentido, mesmo para quem está em home office, é importante estabelecer uma rotina que organize horários de trabalho, horários de estudos e, até mesmo, horários para realizar serviços domésticos e para ficar com a família”, afirmou Eloísa.
setembro amarelo qualidade sono

Há, ainda, a necessidade de cuidarmos da qualidade do sono, já que, por estarmos em casa a maior parte do tempo, temos a impressão de que não existem problemas em modificar horários de descanso.

“Não é porque está em casa que você pode alterar drasticamente os horários a que seu corpo e o seu psiquismo estavam acostumados. Sem a rotina, aumenta a possibilidade da ansiedade e de sensações e sentimentos depressivos se instalarem”, explicou.

Dosar a quantidade de acesso à informação

O isolamento no mundo extremamente digital faz com que a gente aumente a frequência do acesso a redes sociais, ficando mais abertos ao consumo de informações.

Embora seja importante estar bem informado, sobretudo sobre as formas de atenuar o risco de contágio, o excesso, segundo Eloísa, pode gerar uma sobrecarga de estímulos, o que, por sua vez, pode aumentar demais os níveis de estresse e de ansiedade.

setembro amarelo redes sociais

A recomendação, nesse caso, é dosar o acesso à internet, estabelecendo horários para utilizá-la e, também, buscar informações apenas em fontes confiáveis. “Em relação à Covid, é importante se informar em sites seguros, como o da Organização Mundial de Saúde, do Ministério da Saúde e da prefeitura de sua cidade”, orientou Eloísa.

Outro aspecto mencionado pela psicóloga é a procura por hobbies e atividades que contribuam para o seu bem-estar e que sejam realizadas fora da internet. Segundo Eloísa, isso promove equilíbrio entre as obrigações e o lazer, principalmente para aqueles que estão em home office.

Setembro Amarelo no Centro Universitário Unorp

O curso de graduação em Psicologia da Unorp realiza a campanha de setembro amarelo por meio de um importante projeto com a comunidade interna e externa, o “Fique de Bem Com a Vida”. O objetivo é encontrar pessoas que estejam vulneráveis, com ideação suicida e comportamentos autolesivos e encaminhá-las para atendimento social adequado com parceiros do terceiro setor.

Em 2019, foram colhidos 600 cadastros para o projeto e, em seguida, foi feita uma triagem para identificar casos graves e que deveriam passar por atendimento de maior urgência. Seria feito, ainda, um atendimento coletivo, o qual foi interrompido em virtude da Covid-19, das recomendações do Conselho Federal de Psicologia e das diretrizes do MEC.

O atendimento coletivo deve retornar imediatamente, quando houver liberação das autoridades competentes.

Categorias

Confira os Próximos Eventos da UNORP

Não há eventos se aproximando neste momento.

BEM-VINDO À NOVA UNORP.

Fique por dentro das atividades, eventos e todos os acontecimentos do UNIVERSO UNORP.

Cadastre-se aqui para receber nossas novidades.

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

2020-10-20T21:04:03+00:00

Base de Dados por Categoria

DO VALE DO SILÍCIO PARA RIO PRETO

MÉTODO 360 DE ENSINO UNORP

SAIBA MAIS
close-link